TUBARÕES PODEM SER NOVA ARMA NO COMBATE AO CÂNCER

17/6/2007
Os tubarões têm um dos sistemas imunológicos mais poderosos do Reino Animal
 
LONDRES – Mais conhecidos por seu poder mortal, os tubarões podem acabar salvando vidas, através de novas técnicas que usam o sistema imunológico dos predadores para criar medicamentos de combate ao câncer.
A novidade está sendo desenvolvida pela universidade de Aberdeen, na Escócia, com o apoio da empresa de biotecnologia escocesa Haptogen, que surgiu na própria instituição em 2002, e pode começar a ser testada em pessoas nos próximos quatro anos.
Os tubarões – criaturas que já viviam nos oceanos à época dos dinossauros – têm, talvez por isso mesmo, um dos sistemas imunológicos mais poderosos do Reino Animal.
Os anticorpos dos tubarões são também os menores entre os animais – dez vezes menores que os humanos – e os cientistas acreditam que essa característica seja responsável pela eficácia no combate a infecções e vírus.
Nova geração de drogas
"O tamanho reduzido e a robustez dos anticorpos de tubarões, combinados com a poderosa nova tecnologia de análise de drogas da Haptogen, vão produzir uma nova geração de drogas que visa a tratar algumas das doenças mais mortais e da sociedade, como o câncer e doenças infecciosas", disse o professor Andy Porter, diretor de Biotecnologia na universidade de Aberdeen.
A parceria entre a universidade e a Haptogen prevê a criação de uma gigantesca "biblioteca" de anticorpos de tubarão, formada a partir de amostras de sangue colhidas de alguns tubarões vivos.
A partir daí, os médicos serão capazes de descobrir que anticorpos são mais indicados para combater cada tipo de doença, o que por sua vez deve levar ao desenvolvimento de medicamentos mais eficientes.
Os cientistas esperam que drogas produzidas a partir dos anticorpos de tubarão possam combater doenças hoje consideradas de difícil tratamento, como aquelas no cérebro e tumores sólidos.
A técnica também pode levar a novas formas de aplicação de drogas biológicas, tradicionalmente administradas por injeções.
 
Fonte: BBC Brasil

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: