DIAGNÓSTICO

Diagnóstico

 

Quando um nódulo que pode ser canceroso é detectado, uma biópsia é realizada. A biópsia pode ser aspirativa (remoção de células do nódulo com o auxílio de uma agulha e uma seringa), incisional (remoção de um pequeno fragmento do nódulo) ou excisional (remoção de todo o nódulo). A maioria das mulheres não necessita ser hospitalizada e, geralmente, é realizada apenas uma anestesia local.

 

Quando são observadas células cancerosas, outros exames são realizados porque o tratamento depende das características do câncer. Um dos exames determina se o câncer possuir receptores de estrogênio ou de progesterona. O câncer que possui receptores de estrogênio cresce mais lentamente que o câncer que não os possui, e o seu tratamento com medicamentos bloqueadores de hormônios pode ser benéfico. Este tipo de câncer é mais comum entre as mulheres que se encontram na pós-menopausa que entre as mais jovens.

 

O patologista examina as amostras da biópsia ao microscópio para determinar o potencial do câncer de disseminar-se rapidamente. Os cânceres constituídos por células indiferenciadas (mais primitivas) ou por um grande número de células em processo de divisão tendem a ser mais graves. Mantendo as características do câncer em mente, o médico examina cuidadosamente a mulher para determinar se o câncer disseminou-se para os linfonodos, a pele, o fígado ou qualquer outro ponto do organismo.

 

Quando os linfonodos axilares ou supraclaviculares encontram-se aglomerados ou aderidos à pele, é provável que o câncer não possa ser removido com sucesso através da cirurgia. Uma radiografia torácica é realizada para se verificar a presença de câncer nos pulmões e são realizados exames de sangue para se avaliar a função hepática e determinar se o câncer disseminou.

 

Quando o tumor é grande ou quando os linfonodos estão aumentados de volume, uma cintilografia óssea (estudo radiográfico de todo o esqueleto) pode ser realizada. O médico mantém este exame para comparar com outros realizados posteriormente na evolução da doença.

 

Cirurgia do Câncer de Mama

 

O câncer de mama pode ser tratado com várias técnicas cirúrgicas, incluindo a mastectomia (remoção de toda a mama) ou a cirurgia conservadora (remoção apenas do tumor e de uma porção do tecido circunvizinho).

Os tipos de cirurgia conservadora da mama incluem a lumpectomia, na qual uma pequena quantidade de tecido normal circunvizinho é removida; a excisão ampla ou a mastectomia parcial, na qual é realizada a remoção de uma quantidade um pouco maior do tecido normal circunvizinho; e a setorectomia (quadrantectomia), na qual um quarto da mama é removido.

Tratamento

 

Geralmente, o tratamento é iniciado após uma avaliação completa da paciente, aproximadamente 1 semana ou mais após a realização da biópsia. O tratamento é complexo porque os diferentes tipos de câncer de mama diferem muito no que concerne à velocidade de crescimento, à tendência a disseminação (produção de metástases) e à resposta ao tratamento.

O tratamento inclui a cirurgia, a radioterapia, a quimioterapia e os medicamentos bloqueadores de hormônios. A radioterapia mata as células cancerosas no local de onde o tumor foi removido e da área circunjacente, incluindo os linfonodos próximos.

2 Comentários (+adicionar seu?)

  1. leonelia
    maio 12, 2011 @ 21:05:49

    ola, tenho cisto mamario e isso me traz grandes preocupaçãos
    ja faz um ano que me trato e quase não tenho resultado,fui ao medico ele me receitou o (emama) por 3meses,parar e sintindo o sintomas tomar mais 3 meses, mas é algo que não consigo esquecer, me encomoda muito para dormir,não consigo explicar se é dor ou um grande desconforto, sei que é muito incomdo,o que eu faço?

    Responder

    • grupomamacancer
      maio 12, 2011 @ 21:11:38

      Olá Leonelia, você deve procurar um MASTOLOGISTA. Você não deve ficar com o nódulo em seu corpo. Se você já tomou o remédio e ainda não passou, procure o masto urgente ok?

      Abraços TÂNIA

      Responder

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: