DESCOBERTA ITALIANA PODE MELHORAR DIAGNÓSTICO DE CÂNCER DE MAMA

 
3/1/2008
 
ROMA, 2 JAN (ANSA) – Um estudo italiano descobriu a ação de uma proteína que funciona como "guarda-costas" de um dos principais agentes anti-câncer do corpo humano. Segundo os pesquisadores, a aplicação desta descoberta em casos de câncer de mama permitiria melhorar a avaliação da gravidade da doença e pode levar ao desenvolvimento de novos métodos de tratamento.
Segundo a pesquisa, publicada pela revista britânica Nature, a proteína NUMB, cuja ação já era conhecida em tumores menos agressivos, é capaz de atuar contra o crescimento do câncer de mama ao funcionar como "ajudante" de um dos principais atores anti-câncer, a proteína p53.
Sem a NUMB, a p53 deixa de funcionar e as conseqüências podem ser sérias: o tumor tem um prognóstico menos favorável e é resistente à quimioterapia.
"Com NUMB, temos à disposição um novo biomarcador para utilizar como indicador de prognóstico do câncer. E um novo ‘circuito’ molecular a modular do ponto de vista farmacológico para restaurar as condições de normalidade", explica Pier Paolo Di Fiore, Diretor Científico da Fundação Instituto FIRC de Oncologia Molecular de Milão e responsável pelo estudo.
O emprego de NUMB como indicador no diagnóstico já seria possível de imediato: bastaria avaliar a sua quantidade em um tecido retirado do paciente.
 
Fonte: Portal Latino-Americano da Agência ANSA

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: